Bariloche

Bariloche

Bariloche, Argentina - Mountain with snow view
  • Geral
  • Atrativos
  • Onde se hospedar

Subindo as montanhas da cidade de teleférico, paisagens deslumbrantes. No alto dos Cerros, esqui, snowboard, restaurantes com pratos deliciosos e a certeza de uma viagem inesquecível.

Mesmo tão próximo ao Brasil, o cenário em San Carlos de Bariloche, na Argentina, nos surpreende com uma natureza totalmente diferente. Cercada por belas montanhas e lagos a perder de vista, a cidade fica na província de Rio Negro, há 1.569 km de Buenos Aires.

Confira os melhores atrativos de Bariloche e onde se hospedar.

Cerro Catedral

O mais completo centro de esqui do país está a 20 km de Bariloche e é o pioneiro na América do Sul. A estação fica dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi e chega a 2.405 metros de altitude, permitindo muita prática de esqui, snowboard e um passeio de teleférico agradável.

Suas 53 pistas somam mais de 600 hectares esquiáveis, contando com aulas para iniciantes, locais para a prática de estilo livres e a melhor infraestrutura para aproveitar os esportes de inverno.

O local oferece restaurantes, loja para aluguel de roupas e equipamentos, comércio de souvenires, shopping, traslado e muito mais!

Cerro Otto

O Otto é indispensável durante sua estadia em Bariloche. Com teleféricos fechados e uma cafeteria que gira 360°, nota-se que atrativo neste Cerro não é somente o esqui. 

O passeio de esquibunda é muito procurado, você desce a montanha sentado em uma cadeira de plástico com apoio para as mãos. Sentado não quer dizer que não tem aventura, é muito divertido!

Trekking, exposição de artes, cabana dos espelhos, labirintos loucos e até boates fazem parte desse passeio indescritível.

Puerto Blest

Se só observar o lago Nahuel Huapi já é um grande atrativo, imagine navegar por ele enquanto aprecia todas as montanhas e floresta ao redor. A 25 km de Bariloche, o passeio começa no Puerto Pañuelo, embarcando em uma catamarã até chegar ao Puerto Blest.

Chegando em Blest, há um tempo livre para conhecer o local. Logo em seguida os visitantes embarcam para um passeio até a Cascada de Los Cántaros, passando por uma linda selva valdiviana (floresta úmida). A trilha até a cascata é toda em deck e madeira e possui mirantes, para uma pausa na caminhada e apreciar a vista incrível que se tem do alto.

Há opção de seguir o passeio para o Lago Frias e atravessar a fronteira com o Chile, conhecendo o outro extremo do Lago.

Cerro Campanário

Com uma das vistas panorâmicas mais impactantes do mundo. Do alto do Cerro Campanário pode-se apreciar os cerros Otto e Catedral, o Lago Nahuel Huapi, o Lago Perito Moreno e tantas outras belezas. O passeio fica mais interessante ainda se percorrido pelos teleféricos.

O cerro está 1.050 metros de altitude e conta com uma confeitaria que tem a melhor vista do mundo, além do Jardim Botânico, aberto durante a primavera e o verão. Para chegar até aqui, basta percorrer 1 km desde o Centro Cívico, pela Avenida Exequiel Bustillo.

Circuito Chico

É o passeio mais tradicional da cidade. O ônibus passa pelos principais pontos de Bariloche. Ideal para quem busca um turismo mais contemplativo do que de grandes aventuras. O circuito dura cerca de 4 horas e percorre todo o lado sul do lago Nahuel Huapi.

No circuito você vai conhecer o Cerro do Campanário, o histórico hotel Llao Llao, a capela São Eduardo e apreciar Bariloche, no conforto da poltrona do ônibus.

Parque Nacional Nahuel Huapi

Com mais de 700 mil hectares, não falta espaço para os amantes de caminhadas na natureza e outros tantos esportes. São mais de 500 km de trilhas em meio a floresta, além da aventuras de rafting, canoagem, cavalgadas e pesca.

Piedras Blancas

São apenas 5 km de Bariloche para chegar ao melhor lugar para a prática do esquibunda. Piedras Blancas fica na outra face do Cerro Otto e possui 5 pistas de esquibunda, permitindo que toda a família aproveite essa diversão. Mais uma vez o passeio de teleférico garante um visual espetacular.

Também em Piedras Blancas está o Winter Park, com 3 pistas de esqui e uma escola voltadas para iniciantes no esporte.

Museu do Chocolate Havanna

Um dos melhores museus da cidade, sem dúvida é o Havanna. Pertencente à marca de alfajores Havanna, durante o passeio é ensinada a história do chocolate e você pode se deliciar com os doces mais sensacionais.  

Todos os pontos de hospedagem em Bariloche são ótimos. Há muita opção de preços e estilos de acomodação. Para decidir onde ficar basta levar em conta o que deseja fazer durante a estadia, passeios e outros lugares que deseja conhecer.

O centro é perfeito para quem quer tudo a um passo de distância. Dá para sair caminhando do hotel até um restaurante, lojas, agências de viagens e tudo mais. Mas caso esteja procurando por noites tranquilas, não é tão bom, já que há muito movimento e estudantes se hospedam na região, tornando a noite bem movimentada.

Tranquilidade é na Avenida Bustillo, ao longo do rio Nahuel Huapi. Com hotéis mais modernos e confortáveis o valor da hospedagem sobe um pouco, mas vale a pena. Para se hospedar na avenida com a vista mais linda, é necessário alugar um carro ou usar serviços de táxi.

Mas se você for para Bariloche especialmente para esquiar, o bom é se hospedar aos pés do Cerro Catedral e acordar pronto para começar a aventura. Contudo, não há muito o que fazer, além de aproveitar o melhor Cerro da cidade.